12 de março de 2010

Pérolas do Jornalismo da Globo

Eu já disse que não teria como trabalhar numa emissora de televisão por não ter o desprendimento de falar de coisas importantes (ou nem tão importantes) como um retardado.

Outro dia, assistindo o Jornal Hoje (o jornal mais imbecil da programação da Globo), a moça do tempo teve uma sacada genial: anunciando que a umidade do ar no sertão nordestino estava em 20%, quando o ideal seria no mínimo 60%, alertou que as pessoas podem ter problemas respiratórios por causa do ar muito seco. "Por isso", disse ela, "é sempre bom avisar: bebam bastante líquido". Mas que idéia genial!!! E eu que achava que o problema da seca no nordeste era justamente a falta de água! Eu jamais conseguiria pensar numa solução tão simples.

Hoje de manhã, apresentando o Bom Dia Brasil, o Renato Machado começou a dar uma notícia sobre a diminuição da expectativa de vida das próximas gerações, devido à obesidade, deste jeito: "E olha só: vejam como é importante esse aviso da Organização Mundial da Saúde...". Dica para a Rede Globo: quando quiserem economizar com salários de âncoras de telejornal, podem contratar uma manicure no lugar. "Menina, você viu o que a OMS falou outro dia? Que os menino tudo vai morrê mais novo que nóis!"

Eu sempre acabo me lembrando de um dia, na GloboNews, em que os apresentadores estavam explicando o Muro de Berlim deste jeito: "Olha, eu tenho as minhas idéias, você tem as suas... vamos construir um muro?" (Aparece a animação de um muro subindo entre os dois) "Pronto. Foi isso que aconteceu na Alemanha em mil novecentos e..." Eu entendo que a falta de cultura geral das pessoas seja grave, mas colocar os apresentadores falando como se estivessem lendo Rapuzel pra crianças de 5 anos é exagero.

E pra finalizar, um pequeno humor negro off-topic: vi no jornal que hoje o cartunista Glauco morreu assassinado. Viu só o que dá ficar fazendo tirinha sem graça?

Um comentário:

Anônimo disse...

Isso me lembrou Idiocracy... Ow my balls...

 
BlogBlogs.Com.Br